Rua Eng. João Luderitz, 475 | Bairro Sarandi - Porto Alegre/RS
+55 (51) 3013-0333 | +55 (51) 999.560.177

Case Ágata Mármores

Case Ágata Mármores

Economia de mais de R$26 mil por ano na conta de energia elétrica

A Ágata Mármores é uma empresa que atua no mercado de marmoraria desde 1995. Com amplo estoque de materiais importados, trabalha diretamente como importadora e beneficiadora de pedras naturais e materiais artificiais em Santo Amaro-SP. A empresa é especialista no mármore travertino e suas diferentes topologias e também atua oferecendo acabamento de superfícies para diversos tipos de materiais em resinagem.

Há 10 anos, a empresa se tornou cliente da Sultech Sistemas eletrônicos, com a compra de um Controlador de Fator de Potência, para instalar no banco de capacitores da Ágata Mármores. Antonio Ottenio, gestor da empresa, afirma que nestes anos, o Controlador nunca apresentou problemas na instalação. Com a necessidade da troca do equipamento, Antonio não teve dúvidas e optou por realizar novamente a compra com a Sultech.

Um ponto muito importante e que não deve ser deixado de lado, é o aumento do preço pago pelo consumo de energia elétrica. No dia 28 de maio, a Aneel anunciou que começaria a vigorar a partir de junho, a bandeira vermelha patamar 2. Com isso, há um acréscimo de R$ 6,243 para o consumo de cada 100 kWh. O cenário é que, com a bandeira mais cara em vigor, os custos com energia elétrica devem, ser maiores a partir deste mês.

Por isso, a energia elétrica deve ser utilizada de forma racional e o Controlador de Fator de Potência, utilizado no banco de capacitores da Ágata Mármores é um bom exemplo de como melhorar o desempenho dos equipamentos e usar a energia elétrica de forma racional.

No áudio Antonio explica a diferença que o Controlador de Fator de Potência representou para os custos da empresa:

 

Na prática, se há 10 anos Antonio pagava em média R$4.000 de conta de energia e mais R$1.000, de multa pela falta de controle capacitivo na operação da Ágata Mármore, se a empresa não tivesse o Controlador instalado, com o valor atual de energia de R$9.000, a multa mensal gerada, seria mais de R$2.000, com um custo anual de aproximadamente R$26 mil.

Porém, com o Controlador instalado, a multa mensal que a empresa paga para a concessionária é de cerca de R$50,00. Com um novo projeto de eficiência energética, a meta da Ágata Mármores é zerar este valor, ainda este ano.

Este é um bom exemplo de como um Controlador de Fator de Potência pode influenciar positivamente nas finanças de uma empresa e também ajudar a contornar o atual cenário do valor alto de energia elétrica, causado pela utilização das usinas termoelétricas.

Quer saber como economizar com a fatura de energia elétrica, assim como a Ágata Mármores? Então entre em contato conosco!

Economia na fatura de energia elétrica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WhatsApp Suporte (apenas texto)
× Vendas
%d blogueiros gostam disto: