Rua Eng. João Luderitz, 475 | Bairro Sarandi - Porto Alegre/RS
+55 (51) 3013-0333 | +55 (51) 999.560.177

A dificuldade em adquirir conhecimento levou o engenheiro elétrico Anderson do Nascimento ao caminho do empreendedorismo. Confira a entrevista com o fundador da World Elétrica.

A dificuldade em adquirir conhecimento levou o engenheiro elétrico Anderson do Nascimento ao caminho do empreendedorismo. Confira a entrevista com o fundador da World Elétrica.

 Natural de João Pessoa, cidade costeira da Paraíba, Anderson do Nascimento é hoje um empreendedor realizado. Tem objetivos claros para os próximos anos da World Elétrica, empresa que hoje tem em média 100 projetos anuais na área de instalação, manutenção e consultoria. 

Segundo ele, com o caminho do empreendedorismo, alcançou um padrão de qualidade de vida que nem em sonhos imaginava ter, quando tinha de enfrentar os desafios para tocar sozinho médios e grandes projetos elétricos. 

Do começo, quando teve de trancar a faculdade por dificuldades financeiras e encontrou pessoas que não acreditavam na sua capacidade empreendedora, ficou a motivação, hoje renovada e fortalecida pela missão de gerar impacto no mercado da engenharia elétrica através do conhecimento prático.

Veja agora a entrevista com o CEO da World Elétrica, Anderson do Nascimento, e ganhe inspiração para seguir nos seus projetos elétricos, sem pensar em desistir. Boa leitura! 

Como e quando você decidiu ser um eletricista? 

Fui influenciado por um amigo chamado Ismael. Fiz alguns cursos no SENAI e depois, entre 2004 e 2006, fiz o curso técnico em eletrotécnica e me apaixonei por esse universo. 

Qual foi a situação mais difícil no começo da sua jornada profissional? O que te fez continuar? 

No início da minha carreira, a maior dificuldade que encontrei foi a falta de conhecimento prático e de pessoas a quem eu pudesse recorrer para tirar dúvidas de assuntos da vida real que a faculdade não ensina. Mas o que nunca me deixou desistir era meu propósito maior, que estava sempre vivo em minha mente: minha esposa Rafaela e meus filhos Cauã e Laura. Assim, sempre que me pego com medo ou procrastinando alguma coisa, volto meu pensamento para a vida que eu quero dar para minha família. Assim, saio da zona de conforto e faço o que tem que ser feito. 

Em 2006 estava para acontecer algo que mudaria completamente o rumo da sua vida. Conte mais sobre o primeiro projeto de sucesso!

Minha primeira cliente se chamava Dayse. Ela precisava de um projeto elétrico para 7 medições para aprovação na concessionária. Através da indicação de um amigo, ela chegou até mim e perguntou se eu fazia esse tipo de serviço. Lembrei de ter visto sobre esse assunto na disciplina de “Projetos e Instalações Elétricas Prediais”, e que eu tinha a apostila dessa disciplina. Com base nisso, falei para a cliente que faria o serviço e que no dia seguinte apresentaria o orçamento. 

Na época, eu tinha acabado de concluir meu estágio numa indústria e havia sido efetivado pela mesma. 

Corri pra casa, peguei a apostila e fui atrás de alguns entendidos do assunto para me dar um norte. E foi unânime, ninguém quis dar informações. E para piorar, aquela apostila estava desatualizada em relação à norma em vigor da concessionária naquela época. 

Confesso que naquele momento fiquei com medo e muito triste, pensei em inventar uma desculpa para não ficar feio e a cliente perceber que eu tinha dado pra trás. 

Como eu não sabia nada de precificação, resolvi cobrar pelo projeto um valor que era um pouco maior que o meu salário na indústria, só para a cliente desistir. 

Surpreendentemente, ela fechou sem pedir desconto e sem pensar duas vezes!

Então após o susto, encarei o desafio e em uma semana consegui as normas atualizadas, estudei elas, elaborei o projeto e enviei para a concessionária. Inesperadamente, mesmo sem ter uma estrutura perfeita, o projeto foi aprovado semanas depois.

Assim que entreguei o projeto à cliente e recebi o dinheiro, na mesma hora virou uma chave na minha cabeça. Eu tinha acabado de ganhar em uma semana de trabalho mais do que eu recebia por um esforço de 30 dias na indústria. 

Naquela época eu não sabia bem o que era empreendedorismo, mas sabia que deveria criar um processo para melhorar o meu tempo de elaboração dos projetos, e que eu precisava fazer aquilo mais vezes. 

Este projeto me tirou da zona de conforto e me deu coragem de avançar para algo grande que estava para acontecer na minha carreira profissional: trabalhar por conta própria e empreender na engenharia elétrica. 

Após este primeiro grande projeto, você seguiu com outros projetos? O que aconteceu depois? 

Depois do primeiro projeto veio o segundo, o terceiro… e eles me permitiram gerar receita para comprar ferramentas e equipamentos para atuar também com instalação, manutenção e consultoria.

Então, em 2006, mudei de emprego e fui trabalhar no COD (Centro de Operação da Distribuição) da concessionária de energia da Paraíba. Meu objetivo era evoluir profissionalmente e entender mais sobre o funcionamento dos processos de projetos, ligação, construção e reforma de rede, modalidades tarifárias, programação, vistoria e outros. 

Contudo, após 4 anos de muito aprendizado na empresa, notei que aquilo não era exatamente o que eu queria para minha vida. 

Você estava em um bom emprego, com estabilidade e bons rendimentos. Por quais razões começou a pensar em mudar seu futuro profissional? 

No período entre 2007 a 2009, eu e a Rafaela, minha esposa, recebemos os dois melhores presentes das nossas vidas, nossos filhos Cauã e Laura. Certamente eles foram minha maior motivação para abrir a empresa World Elétrica no final de 2009.

Mas aquela jornada de trabalho estava acabando comigo, sempre havia desencontros com os horários dos meus filhos acordados. Naquele momento eu comecei a imaginar como seria minha vida trabalhando na empresa daqui a 10, 20, 30 anos… Confesso que eu tive um choque de realidade e percebi que não era o que eu queria para minha vida.

Após este “choque de realidade” você seguiu trabalhando na empresa, mesmo após iniciar o projeto World Elétrica. Conte o que aconteceu com sua vida até decidir dedicar-se exclusivamente ao seu próprio negócio. 

Então, em 2010 surgiu um outro grande desafio: a elaboração de um projeto, montagem e fornecimento de materiais de um loteamento de médio porte. Ou seja, a solução completa.

Naquela época, era muito dinheiro envolvido para mim. Então, passei a proposta para o cliente com um valor superior aos dos concorrentes e não tinha perspectiva de fechar. Para minha surpresa, o cliente aprovou minha proposta para pagamento à vista.

Estava perdido e sem saber por onde começar mas dessa vez resolvi fazer diferente.

Embora eu soubesse que os profissionais que eu conhecia não estariam disposto a compartilhar informação, procurei um antigo professor especialista na área para me orientar e fazer junto comigo e, ao final, dividiríamos o valor. Inegavelmente eu estava mais interessado em aprender do que no dinheiro.

Após pedir sua ajuda, ele olhou pra mim e disse: “Esse serviço é grande demais para você! Passe ele para mim, que eu faço e te dou uma comissão”. Assim que saí daquele encontro, falei para mim mesmo: “Ninguém nunca mais vai me dizer que não sou capaz!”

Então encarei o desafio, elaborei o projeto, negociei os materiais com os fornecedores e montei a equipe para execução. Ao finalizar e ver aquele loteamento ligado eu tive uma das maiores alegrias da minha vida. Foi uma sensação de missão cumprida. 

No ano seguinte, no dia 1º de abril de 2011, pedi demissão para viver exclusivamente da minha paixão: empreender na área elétrica! Inegavelmente isso me fez chegar a qualidade de vida que nem em meus sonhos mais profundos eu imaginaria alcançar.

Então você decidiu se dedicar exclusivamente ao empreendedorismo, focando no seu projeto criado em 2009. E como surgiu a ideia da World Elétrica, qual o propósito deste negócio?

Com toda experiência que vivenciei na prática, eu resolvi compartilhar esse conhecimento prático para transformar a vida de outros profissionais da área elétrica. Então, criei minha empresa de serviços de engenharia elétrica, a World Elétrica.

No início, meu interesse era desenvolver uma fonte de geração de receita para empresas através de cursos online. Mas eu comecei a receber os depoimentos de alunos e seguidores falando o quanto aquele conhecimento prático ajudou a iniciar seu próprio negócio, vender e aprovar o seu primeiro projeto.  Teve um depoimento marcante, onde a pessoa estava agradecendo pois já estava desacreditado da sua formação em engenharia elétrica e que já estava formado há 5 anos e não conseguia oportunidades na área. Estava trabalhando como motorista de Uber e, depois de assistir minhas aulas e vídeos incentivando a empreender, ele conseguiu um sócio e estava abrindo um escritório de engenharia elétrica.

Enfim, essas coisas mexeram muito comigo e eu coloquei como propósito de vida profissional colecionar mais histórias como essa. Essas são as histórias que eu quero contar para os meus filhos, netos e bisnetos.

Hoje, certamente a prioridade deste projeto é gerar impacto no mercado da engenharia elétrica, transformando vidas através de conhecimento prático.

Para finalizar, uma frase é muito frequente em seus posts no Instagram (@worldeletrica) , inclusive virou estampa de uma camiseta sua. Pode repetir esta frase para nós? 

Claro, é uma frase do Thomas Edison que me identifico muito: 

“Quando desistir não é uma opção, o sucesso é inevitável”

Esta é uma história que serve de inspiração para todos os profissionais da área da energia elétrica, tanto na vida pessoal quanto na condução de suas carreiras. Anderson é cliente da Sultech e nós temos o prazer de trabalhar ao lado de alguém tão motivado, com objetivos claros definidos, e que colabora para o mercado crescer e contar com profissionais com capacidade para uma atuação qualificada em projetos elétricos.   

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

× Fale com nossos Vendedores. (051)998.656.408
Suporte ao cliente 051989385677
%d blogueiros gostam disto: